quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Autor e illustrador Maurice Sendak terá destaque este ano no catálogo da Kalandraka

( Patrick Downs / Los Angeles Times )
A obra de Maurice Sendak estará muito presente em 2014 no catálogo da KALANDRAKA que, ao longo deste ano, publicará uma dezena de títulos do autor e ilustrador americano, aos quais se seguirão novas incorporações em 2015. Esta aposta em recuperar o legado daquele que é considerado pelos críticos como “um dos homens mais influentes dos Estados Unidos porque dar forma à fantasia de milhões de crianças é uma importante responsabilidade”, responde ao interesse em trazer de novo às livrarias, bibliotecas e às nossas casas um conjunto de títulos emblemáticos que se encontravam descatalogados ou inéditos.

Todas estas publicações, que respeitarão os formatos originais, serão editadas nas cinco línguas peninsulares: português, espanhol, galego, catalão e basco.
O primeiro da série será “In the Night Kitchen” – Na cozinha da noite – com tradução de Carla Maia de Almeida, escritora, jornalista e tradutora, que, neste âmbito, tem vindo a colaborar com a Kalandraka.
“Na cozinha da noite” juntar-se-á ao já publicado “Onde vivem os monstros” (2009) (PNL/LER+), a sua obra prima de 1963, que, apesar da controvérsia das interpretações críticas que suscitou no início, cativou – e continuará a cativar – gerações de crianças por todo o mundo. Sucessivas adaptações para teatro, animação e cinema mostram a sua enorme transcendência e a sua plena vigência.
Esta trilogia ficará completa com a tradução de “Outside Over There”, de 1981, que Sendak considerava como a sua obra mais pessoal.

A KALANDRAKA também recuperará a “Minibiblioteca” de Maurice Sendak, formada por quatro livros de pequeno formato que abordam as letras do alfabeto, os meses do ano, os números e uma história com moral.

Para além disso, dar-se-á a conhecer outra faceta de Sendak como ilustrador de textos de outros autores, através da coleção “Ursinho”, da escritora americana de origem dinamarquesa, Else Holmelund Minarik, que data dos anos 1950-1960. Desta série, que foi adaptada para a televisão, venderam-se milhões de exemplares por todo o mundo.
A grande contribuição de Maurice Sendak (1928-2012) para o enriquecimento do imaginário infantil, ao longo de cinco frutíferas décadas de trajetória artística e literária, foi reconhecida com importantes distinções, entre as quais figuram várias Medalhas Caldecott, o Prémio Hans Christian Andersen, a Medalha Laura Ingalls Wilder e o Prémio Astrid Lindgren, entre outros galardões.
Facebook Kalandraka


Sem comentários: