quinta-feira, 9 de abril de 2015

Novidades da Jacarandá Editora


Todos os Pássaros do Céu
de Evie Wyld

Sinopse
Jake Whyte é a única habitante de uma velha quinta localizada numa ilha britânica, um lugar fustigado por chuvas infindáveis e ventos cortantes onde vive sozinha com o seu desobediente cão, Dog, e um rebanho de ovelhas. Foi assim que Jake escolheu viver. Mas algo anda a atacar as ovelhas - aparece certas noites, apanha um dos animais e deixa-o completamente desfeito.
Pode ser qualquer coisa. Há raposas nos bosques, um rapaz e um homem estranhos, rumores da existência de um ser obscuro e terrível. E há ainda o passado desconhecido de Jake, imiscuindo-se no presente, uma história deixada a muitos quilómetros e anos de distância, numa paisagem de cores e sons diferentes, uma história inscrita nas cicatrizes que lhe marcam as costas.

Críticas de imprensa
«Um romance maravilhosamente bem escrito, pleno de vida e suspense.»
The Guardian

«Todos os Pássaros do Céu vem confirmar Evie Wyld como uma das nossas mais talentosas romancistas.»
The Observer

«A sua escrita é precisa, intensa, inquietante e poética... Desta vez, o entusiasmo da crítica justifica-se.»
The Sunday Times

«Extraordinariamente bem conseguido, um daqueles livros que não nos sai da cabeça e que, uma vez chegado ao fim, queremos que recomece de imediato.»
Financial Times

«O que torna este livro tão espantoso é a beleza e a simplicidade da sua escrita.»
The Spectator

«Perturbador... uma extraordinária lufada de ar fresco e uma nova voz, profundamente original.»
The Times



Deslumbra-me
de Maggie Shipstead

Sinopse
Durante anos Joan tentou esquecer o passado e encontrar paz e satisfação no papel de mulher e mãe. Naquele pacato subúrbio californiano, poucos conhecem a sua emocionante história - a história de uma jovem bailarina americana que, em Paris, se envolveu num romance apaixonado e sem futuro com Arslan Rusakov, a maior estrela do ballet russo. Após ter desempenhado um papel fundamental na sua deserção, Joan despediu-se dos palcos para sempre, de coração partido por Arslan e desiludida com a sua carreira modesta.
Mas quando o seu filho se torna um bailarino prodigioso, Joan é de novo atraída para o mundo que julgara ter deixado para trás - um mundo onde se reencontra com segredos perigosos, Arslan e o desejo por aquilo que nunca poderá ter.
Absorvente e dramático, Deslumbra-me é uma história sobre a natureza do talento, as escolhas que temos de fazer para alcançarmos a realização pessoal e como nunca conseguimos verdadeiramente fugir dos segredos do passado.

Críticas de imprensa
«Transbordante de emoção… um romance bem conseguido que reflete sobre o drama pessoal e a competitiva busca da perfeição.»
The Sunday Times

«Shipstead está a revelar-se uma contadora de histórias brilhante.»
Financial Times

«Um romance que não deve deixar de ler.»
The Washington Post

«Uma obra de arte arrebatadora.»
O, The Oprah Magazine

«A partir de agora vou começar a seguir atentamente a carreira de Shipstead.»
Jeffrey Eugenides

«Uma escrita soberba, um romance excelente sobre um mundo fascinante.»
The Observer



As Primeiras Vítimas de Hitler
de Timothy W. Ryback

Sinopse
Em 1933, durante um período de seis semanas dramáticas, um homem correu contra o tempo para expor os nazis como assassinos na véspera do Holocausto. Esta é a história espantosa de As Primeiras Vítimas de Hitler.
No dia 13 de Abril de 1933, às nove da manhã, o procurador-adjunto Josef Hartinger recebeu um telefonema solicitando a sua presença no recém-inaugurado Campo de Concentração de Dachau, onde quatro presos tinham sido alvejados a tiro. Os guardas SS falaram em tentativa de fuga mas o que Hartinger encontrou - uma jaula de arame farpado no meio de um deserto industrial, cadáveres atirados sem cerimónia para um paiol, ferimentos de bala a curta distância nas cabeças dos quatro judeus - convenceu-o de que algo estava terrivelmente errado.
Hitler fora nomeado chanceler apenas seis semanas antes mas os nazis não tardariam a controlar todo o sistema judicial. As Primeiras Vítimas de Hitler é a história dos esforços heroicos de Hartinger para denunciar a natureza criminosa do regime nazi antes de ser tarde de mais. É a história de um homem disposto a sacrificar tudo na demanda da justiça quando as portas da justiça começavam a fechar-se.

Críticas de imprensa
«Um livro magnífico, arrebatador, uma história edificante contada de uma forma extraordinária.»
Richard Bernstein, autor de Dictatorship of Virtue

«Uma obra fundamentada numa pesquisa histórica exemplar e profundamente perturbadora.»
Alan Riding, autor de And the Show Went On

«Extraordinário. A pesquisa que o autor fez é magnífica e os novos pormenores que acrescenta fazem com que o leitor sinta que está a observar os primeiros passos da epidemia nazi ao microscópio. Isto é a História a materializar-se à nossa frente.»
Robert Littell, autor de The Company



Sem comentários: