quinta-feira, 30 de julho de 2015

«A Divina Sabedoria dos Mestres», de Brian Weiss

Editora: Pergaminho
Data última edição: Março 2014
N.º de Páginas: 256

Após o sucesso que tiveram os seus primeiros três livros, Muitas Vidas, Muitos Mestres, O Passado Cura e Só o Amor é Real, o conceituado psiquiatra Brian Weiss lançou em 2000 Messages From the Masters, uma obra que inclui vários testemunhos de pacientes e pessoas de diversas nacionalidades que frequentaram alguns dos seus seminários e palestras. Tirando casos novos sobre o reino surpreendente de regressão a vidas passadas, este livro não deixa de ser uma súmula dos temas abordados nos títulos anteriores. Podemos encontrar em itálico, no princípio de cada um dos dezasseis capítulos mensagens-chave sobre reencarnação que o autor defende, desde o primeiro contacto que teve com a famosa paciente Catherine, a protagonista do seu primeiro best-seller e paciente que revelou ao doutor (na altura era um homem céptico no que se referia à Espiritualidade) que na maioria das vezes há acontecimentos no passado distante de cada pessoa que ainda influenciam as suas relações e bem-estar actuais. 
Segundo a experiência de Brian Weiss (actualmente com 70 anos) «a recordação de memórias reprimidas ou de memórias esquecidas, traumáticas e muitas vezes dolorosas, está frequentemente associada com a cura. (…) O simples facto de fazer regressão ao nível da consciência essas memórias enterradas é extremamente benéfico», podemos ler na página 45 de A Divina Sabedoria dos Mestres.
Ao longo dos capítulos são diversos os relatos de Experiência Quase-Morte (EQM), Experiência Pós-Morte (EPM), regressões a vidas passadas (como a de Henry, que numa vida anterior viu-se como general do exército de Roma), casos de pacientes (como a Marie e Vanessa) que recordaram o início das suas vidas in útero, e de outros impressionantes relatos que provam que somos todos seres divinos, que não morremos porque nunca nascemos, que entramos e saímos dos corpos e que «no caminho do destino não existem coincidências».
Na parte final da obra, o psiquiatra que combina na sua prática a hipnose, a psicoterapia espiritual e a regressão às vidas passadas, apresenta alguns exercícios e meditações como a psicometria, visualizações e scanning energético, técnicas seguras e rápidas para curar sintomas de mal-estar.
Dos seis livros qua actualmente encontram-se publicados pela Pergaminho de Brian Weiss, este não é, de todo, o seu melhor trabalho, porque para quem já leu um ou dois títulos do autor A Divina Sabedoria dos Mestres torna-se um pouco repetitivo. É sim, um livro propício para o leitor que pretenda ler um primeiro livro deste autor norte-americano, que tem um séquito fiel de admiradores por todo o mundo. Mas Brian Weiss também gera controvérsia; muitos são os críticos que lançam admoestações à veracidade do que ele escreve. Há tantas pessoas que mantêm as suas mentes fechadas.


Excertos
«O nascimento no seio das nossas famílias não é um fruto do acaso, nem uma coincidência.» (p. 49)

«Somos seres divinos matriculados por uns tempos nesta escola planetária, e concebemos o nosso programa curricular para desenvolvermos todo o nosso processo de aprendizagem. Viemos da luz e a sabedoria que existe em nós está muito para além daquilo que somos capazes de imaginar. Tudo o que precisamos fazer é lembrar-nos.» (p. 55)

«Uma vida complicada não é um castigo; é sim, muito mais, uma oportunidade.» (p. 59)

4 comentários:

gloria ferreira disse...

Interessante deu vontade de ler gosto de livros que ensina um pouco de espiritualidade.

Elsa Santos disse...

Tem uma história interessante :)

Maria Pacheco disse...

Adorei ler este livro! :)

Aprender Criar disse...

interessante!!

https://www.facebook.com/profile.php?id=100010236137569