quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Entre as últimas novidades da Kalandraka para 2016 encontra-se a obra vencedora deste ano do Prémio Compostela para Álbuns Ilustrados

Uma Última Carta
Texto de Antonis Papatheodoulou
Ilustrações de Iris Samartzi

Texto sinóptico
Obra vencedora do IX PRÉMIO INTERNACIONAL COMPOSTELA PARA ÁLBUNS ILUSTRADOS. 
Uma última carta transporta-nos para uma pequena e formosa ilha mediterrânica, cujos habitantes têm a sorte de poder contar com um carteiro muito amável. Mais de 50 anos de trabalho aproximam-se do fim e, com eles, um último dia de trabalho, que será para todos inesquecível. Recorrendo a uma linguagem poética e metafórica, rica em jogos de contrastes, Antonis Papatheodoulou presta uma homenagem enternecedora ao velho ofício da entrega de correspondência, ao utilizar, como protagonista, um mensageiro de vocação verdadeiramente comprometido com os valiosos objetos que transporta consigo, todos eles carregados de afetos e memórias, de boas e más noticias.
As ilustrações complementam e enriquecem o texto, através da colagem de imagens relacionadas com esta profissão: envelopes, selos, palavras manuscritas que desenham a forma das personagens... Com uma apurada abordagem cinematográfica, Iris Samartzi combina diferentes planos que direcionam o olhar dos leitores para o interior da bolsa do carteiro. De destacar ainda é a composição cromática, a sua luminosa paleta de cores, onde sobressaem os brancos, os azuis, os ocres… e o sábio uso da linguagem simbólica de cada cor.
O júri do IX Prémio Internacional Compostela para Álbuns Ilustrados distinguiu Uma última carta não só pela sua harmonia e equilíbrio, pela forma como transmite alegria e ternura; mas também pela valorização de um ofício ancestral que promove a comunicação e a aproximação entre os indivíduos e as comunidades.

Excerto
«Algumas cartas não eram cartas, mas imagens. A maioria, porém, só tinha letras que, para muitos avós que não tinham podido ir à escola, eram difícieis de ler.»



Paris em Pijamarama
Texto, ilustrações e design de Frédérique Bertrand e Michaël Leblond 

Texto sinóptico
Neste novo título, e à semelhança dos anteriores da coleção ‘o mundo em pijamarama’, um menino adormece e a cidade, desta vez Paris, ganha movimento. Enquanto todos dormem, o nosso pequeno protagonista leva-nos pela Cidade Luz e o seu pijama às riscas revela-se, mais uma vez, como a roupa ideal para brincar com uma antiga técnica de animação, o ombro-cinéma. Fazendo deslocar a grelha de acetato inserida no livro por cima de cada uma das suas páginas ilustradas, produz-se um surpreendente efeito ótico e Paris transforma-se na cidade que mexe, na cidade que brilha!
Tal como Nova Iorque em pijamarama e Luna Parque em pijamarama, ou o caderno de atividades, Os meus robôs em pijmarama, concebidos por Michaël Leblond e Frédérique Bertrand, este é um livro lúdico e interativo para leitores de todas as idades.

Excerto
«Sob o céu de Paris, há uma grande estrela onde todos os carros se encontram.»




Inventário Ilustrado das Aves
Texto de Virginie Aladjidi
Ilustrações de Emmanuelle Tchoukriel

Texto sinóptico

Há cerca de 10 000 espécies de aves no mundo e este Inventário Ilustrado apresenta perto de 80. Nele se descreve a plumagem de cada uma para permitir que o leitor a possa identificar rapidamente.
Como já é habitual nesta coleção dos Inventários Ilustrados, com texto de Virginie Aladjidi e ilustrações de Emmanuelle Tchoukriel, referem-se pormenores surpreendentes e revelam-se outros detalhes relativamente à sua alimentação, ao cortejo nupcial, entre outras curiosidades… Também se precisa a envergadura e o tamanho médios de cada ave para as podermos comparar entre elas (por exemplo, uma galinha, em média, possui 50 cm). Um cantar no jardim, um piar no bosque, uma silhueta no céu, um ninho no telhado, uma pena no chão… são outros indícios a ter em conta para descobrir as aves, para as identificar e para as nomear.

Um inventário para deixar terra firme, espantar e maravilhar.

Excerto
«Voar, pôr ovos, ter um bico… não é exclusivo das aves: o morcego-anão, que é um mamífero, voa; o caracol (gastrópode) e os peixes põem ovos; a tartaruga (réptil) e o polvo também têm bico… A verdadeira particularidade das aves são… os milhares de penas que lhes revestem o corpo e as asas…»

4 comentários:

Marilina Simões Fernandes disse...

Adorava ler este livro.
Obrigada pela publicação.
;)

milureis disse...

Eis um livro que o meu marido ia adorar receber de prenda este Natal, deve ser espectacular.

Sara Santos disse...

Adoro a Kalandraka, são sempre interessantes os livros, o melhor para as crianças!

INÊS CRISTINA FERREIRA FERNANDES disse...

Não li nenhum ainda, mas agora fiquei curiosa! Pode ser uma boa aposta para comprar após o Natal!