segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

São notícias como esta que deveriam abrir telejornais

Jovens estudam sob as luzes do estacionamento do aeroporto de Conakry, na Guiné.

Apenas cerca de um quinto dos 10 milhões de guineenses têm acesso à eletricidade.


A longa rua dá a sensação de ser uma biblioteca silenciosa, cada estudante sentado calmamente a ler.



Grupos de estudantes do ensino superior e médio deslocam-se ao estacionamento do aeroporto de Conakry, no crepúsculo, na esperança de reservar um lugar cobiçado sob a luz oval lançada por uma dúzia de postes de iluminação no estacionamento. Alguns vêm de mais de uma hora de caminhada de distância.


«Eu estudava à luz de velas em casa, mas feria os meus olhos. Então eu prefiro vir aqui», diz Mohamed Sharif, de 18 anos.


«Os meus pais não se preocupam comigo, porque eles sabem que eu estou aqui para buscar o meu futuro», diz Ali Mara, de 10 anos.

3 comentários:

Nefertari disse...

Esta é uma noticia que não posso deixar de aplaudir. São exemplos como este que me fazem acreditar no futuro, que tudo se consegue que se é perseverante...

Obrigada pela partilha :)

Raquel Porto Monteiro disse...

Impressionante! Para mim, como professora, chega a ser comovente, pois contrasta grandemente com o cenário das nossas escolas, onde os alunos têm imensos recursos ao seu dispor (salas com computadores e ligação à Internet, professores com horas para apoios individualizados...) e não valorizam. Os alunos desta notícia sabem que um futuro melhor passa pelo estudo e isso é factor de motivação para fazerem este sacrifício.

Metamorfose Ambulante disse...

Belíssimo exemplo!! Quando a pessoa quer, nenhum obstáculo a detém!