quarta-feira, 23 de abril de 2014

«O Café dos Porquês», de John P. Strelecky

Editora: Sinais de Fogo
Ano de Publicação: 2007
N.º de Páginas: 148

John, Casey, Mike e Anne, são os personagens do primeiro livro que o autor americano John P. Strelecky (n. 1969) escreveu: The Why Café. Nele, é-nos traçado a história de um homem que anda à nora, à procura de um significado na vida. Numa noite John sai de casa para fugir à frustração que lhe inquieta a mente e conduz sem rumo, pelas ruas da cidade americana onde reside. Após ter-se distanciado muito além da zona limítrofe da sua localidade ele vê-se perdido e sem combustível no carro. Há muito que a sua zona de conforto (em dupla figuração) fora posta à prova e o receio do desconhecido paralisa o seu eu. Ao vislumbrar ao longe umas luzes de néon a assinalar a existência de um pequeno café, John segue caminho até lá, até porque tal como o gasóleo a sua fome já entrara na reserva. Casey, a simpática empregada do ‘Why Café’, um «lugar onde uma pessoa poderia sentar-se e ficar a conversar com amigos durante muito tempo», logo deu as boas-vindas ao novo cliente e apresentou-lhe o livro da ementa. Há que salientar que a frustração que este homem apresentava desaparecera por completo após entrar no café, qual efeito de mágica. Após pedir a comida John virou a ementa e leu o que estava na contracapa: «Assuntos Para Pensar Enquanto Espera: Por que razão está aqui? Receia a morte? Sente-se realizado?». Ao fazer a si próprio essas perguntas sentiu uma grande clarividência a brotar da sua consciência, como que de um momento do despertar se tratasse. Assim que deu resposta às três questões, a razão da sua existência, para qual veio ao mundo, o motivo para estar vivo, “apareceu-lhe” nitidamente à frente. Na conversa que durou várias horas, madrugada dentro, falou com o cozinheiro e uma das clientes habituais desse café que “estimulava” os clientes para a reflexão. Quando John saiu de lá vinha muito mais reconfortante, física e emocionalmente: «aquela noite no café mudou a minha vida».
A mensagem de O Café dos Porquês é a de que todos nós temos, neste momento preciso, do aqui e agora, a oportunidade de recomeçar o que foi-nos predestinado desde a nossa nascença. Tal como o protagonista desta história, também o leitor iniciará uma extraordinária reflexão sobre os porquês de acontecer algo menos bom em determinadas fases na vida. O autor tem o poder de abrir os olhos para as mudanças que estão ao alcance de todo o leitor. E tudo através de uma história simples, mística é certo, mas que aborda questões profundas sobre o sentido da vida.
Desde o ano da sua publicação, 2003, a obra já foi traduzida em inúmeros idiomas e tem sido comparada a livros como Fernão Capelo Gaivota (Richard Bach) e O Alquimista (Paulo Coelho). John P. Strelecky nos últimos dez anos escreveu três outras obras: Life Safari, The Big Five for Life e How to be Rich and Happy. Para gáudio dos leitores de O Café dos Porquês o autor lançou em Janeiro de 2014, no Amazon.com, em formato e-book, a sequela desta história: Return To Why Café. A edição em papel está prevista para estar disponível em finais deste mês de Abril. Resta saber se a Sinais de Fogo o publicará em Portugal, em breve.

2 comentários:

Lara Silva disse...

Parece-me de grande reflexão e levanta grandes questões sobre a vida

Susana Moreira disse...

Adorei o que li sobre este livro!

A procura de um significado na vida é algo que muitos de nós buscam durante quase toda a vida... e será sem duvida abençoado aquele que o encontra!