terça-feira, 22 de abril de 2014

«Amigos», de Eric Carle

Editora: Kalandraka
Data de Publicação: Fev. 2014
N.º de Páginas: 32

Amigos é uma história inspirada numa amizade que Eric Carle manteve com uma amiga, de que não lembra já o nome, mas de que lhe resta apenas uma fotografia tirada a ambos, abraçados (ver foto), os dois então crianças com três anos de idade, em 1932, em Nova Iorque. Aos seis anos o pequeno Eric mudou-se para a Alemanha e desde essa altura que perdeu o contacto com a amiga. Todavia as recordações de brincadeiras, confidências, essas, nunca deixaram de habitar o imaginário do autor. Para evocar o quanto essa amizade marcou a sua vida, o ilustrador e escritor de livros infantis como O Artista Que Pintou um Cavalo Azul e Sonho de Neve, agora com oitenta e quatro anos, publicou Friends, em Novembro de 2013, nos Estados Unidos. No fim de Fevereiro passado a Kalandraka disponibilizou nas livrarias a edição portuguesa do livro: Amigos.
Na história, contudo, quem parte não é o amigo, mas a amiga. É ele que sente mais o abandono, ela é que partira, deixando-o sozinho. Perante tal vicissitude dolorosa emocionalmente para uma criança, o menino não fica a lamentar a perda, mas imbuído de coragem e optimismo inícia uma busca que revela-se recompensante. Mas para o “reencontro” acontecer o menino terá que passar por um teste sensorial, que o despertará para os elementos da Natureza: a erva molhada, o cheiro da terra, o som da chuva, a dureza de subir uma montanha, etc. Afinal, quando perde-se algo ou alguém de que ou quem gosta-se somos capazes de mover montanhas para estar novamente com o que e quem gostamos.
Amigos é um livro visualmente atractivo, que estimula os sentidos, por efeito das cores fortes e da simulação de textura, que não revela-se pelo toque mas que, devido à técnica de recorte e colagem utilizadas pelo autor nas figuras e imagens, quase se sente. A temática abordada neste álbum irá certamente criar reminiscências a qualquer adulto. Afinal, todos já nos separámos de algum amigo, por motivos diferentes, numa certa altura de nossa existência. Para Eric Carle a amizade pode ser sempre recuperada. Amigos aborda também o tema das mudanças que acontecem ao longo do desenvolvimento do ser humano, e ao longo da vida. Deixar a mensagem às crianças de que o sentimento de perda é algo que temos de estar preparados, desde tenra idade, foi também intenção de Carle.

Eric e a amiga, em 1932 (foto tirada do livro)


9 comentários:

Carina disse...

Chamou-me a atenção pelo nome, e após ler um pouco da crítica percebi porquê :)

Maria Nobrega disse...

Muito interessante

Paula Fonseca disse...

Promete uma boa leitura

Carla F disse...

Um livro que promete nós levar numa viagem pelas nossas próprias recordações de infância

Isaura Fernandes disse...

Um livro a ler, simples e belo......porque mesmo quando já não somos crianças os amigos continuam a sair e entrar-nos pelo coração.....

Joana disse...

Deve ser muito bom este livro! O titulo diz tudo! :)

Manuel Jesus disse...

Tantos "amigos" ficam para trás... Como caminhos percorridos a que não voltamos. Este sentimento de perda é muito comum.

gloria ferreira disse...

parece-me que este livro vem para nos mostrar o valor da amizade e de como nosso alicerce é importante para construção do futuro.


macy disse...

Perdi tantos amigos.... uns partiram, outros mudaram e a amizade foi-se... de alguns guardo saudade mas de outros não, vejo hoje que esses nem deveriam ter entrado alguma vez na minha esfera de amizades. Mas não deixo de sentir alguma tristeza por esse facto. Um livro que me parece ser deveras interessante!
Teresa Carvalho