sexta-feira, 9 de março de 2018

«E.T. O Extraterrestre» é um dos quinze novos livros infanto-juvenis

E.T. O Extraterrestre; ilustrações: Kim Smith
Elliot, de 10 anos, procurava um amigo. E encontrou um, vindo do Espaço!
O filme que todos conhecem é agora um livro ilustrado para toda a família - cheio de bicicletas voadoras, cientistas bisbilhoteiros e uma amizade que te irá inspirar. Conseguirá Elliot ajudar E.T. a "telefonar para casa" antes que seja tarde de mais?
A Morceguita Destrambelhada, de Isabel Ricardo; Ilustração: Sandra Serra A Frederica é uma morceguita muito especial. É que ela é diferente dos morcegos da sua família, é assim… um pouco destrambelhada, entendem?
Um dia, farta de ser criticada, Frederica resolve partir à aventura, e irá viver peripécias emocionantes, acabando por fazer uma descoberta muito importante - o valor da amizade!
A imaginação de Isabel Ricardo e o talento de Sandra Serra reuniram-se e dessa simbiose feliz nasceu um livro delicioso, recheado de ternura, humor e ilustrações fabulosas, que irá cativar os mais pequenos e proporcionar-lhes momentos inesquecíveis de puro encanto.
Para ser escutado e lido com muito prazer.


O Dragão com Coração de Chocolate, de Stephanie Burgis
E se um dragão fosse transformado num humano?
Aventurina é uma jovem dragão de espírito indomável. Apesar de estar proibida de sair da gruta onde mora com a família, decide fugir. Ansiosa por mostrar aquilo de que é capaz, ela captura a presa mais perigosa de todas: um humano.
Mas este humano é um mago poderoso e convence-a a provar um chocolate quente encantado que transforma Aventurina numa jovem humana de 12 anos. Apesar do espanto, ela percebe que encontrou a sua verdadeira paixão: o Chocolate.
Aventurina não perde tempo e segue em direção à cidade.
Ela quer aprender mais sobre a sua nova paixão. Mas Aventurina vai perceber que o mundo dos humanos é bem diferente do dos dragões. Saber distinguir os bons dos maus será a primeira de muitas aprendizagens. A segunda será confiar neles...
Sem Rede, de Margarida Fonseca Santos
Crescer é um desafio enorme. Mas às vezes é difícil decidir que caminho devemos seguir. A Escolha É Minha é uma coleção sobre as opções que tens de tomar todos os dias, com histórias de vida contadas por jovens, tais como tu.
Esta história, Sem Rede, podia bem ser a tua ou quem sabe, a de alguém que conheces.
Viajar com a turma toda ia ser espetacular! E foi por isso que a Bárbara e o Ricardo, assim como todos os outros colegas, nem queriam acreditar quando, no dia da partida, foram criados grupos, nos quais os amigos habituais foram propositadamente separados. Cada grupo viajou na sua camioneta. Ficaram alojados em parques de campismo diferentes e os professores guardaram os telemóveis de todos. Que filme! Mas, ao chegarem ao destino, o cenário que lhes parecia terrível mudou. Tinham muito para fazer e aprender. E quando foram surpreendidos pelo perigo de um grande incêndio, a união entre eles revelou-se essencial para salvar vidas.
Uma história sobre a importância da entreajuda e da esperança.


Inventando Números, de Gianni Rodari; Ilustração: Alessandro Sanna Fiel à promessa de contar todas as noites uma história à sua filha, apesar da distância que os separa, o Senhor Bianchi telefona-lhe e as suas histórias são tão deliciosas que as operadoras de telecomunicações paralisam as linhas para o ouvir. Neste jogo-diálogo surgem perguntas tão verosímeis como a da distância entre dois lugares, e outras tão surpreendentes como quanto pesa uma lágrima ou quanto mede uma história. As respostas transpiram engenho, imaginação e criatividade, qualidades de Gianni Rodari que também estão presentes num outro álbum do mesmo autor publicado pela Kalandraka, Baralhando histórias, igualmente ilustrado por Alessandro Sanna, e que são um dos ingredientes indispensáveis para o crescimento dos primeiros leitores.

As Coisas Maravilhosas Que Tu Vais Fazer, de Emily Winfield Martin
Como vais ser quando cresceres? Uma pessoa boa, corajosa, amiga e esperta?
Que coisas maravilhosas vais gostar de fazer e conhecer?
Este livro é uma celebração do amor que os pais sentem pelos filhos. É uma partilha de sonhos sobre aquilo que eles podem vir a ser e fazer quando crescerem.

Nunu Passeia e Nunu Brinca, de Cally Stronk e Constanze Von Kitzing
Estes são títulos de uma série de livros cartonados e canteados, para pré-leitores, protagonizada por um pequeno elefante.
No volume Nunu Passeia, o elefante protagonista experimenta e desfruta com os cinco sentidos, ao longo do seu passeio pela natureza, do calor do sol, do sabor dos frutos, do canto de um pássaro, do aroma das flores e do colorido do arco-íris.
Em Nunu Brinca, é explorado a importância do brincar individual e coletivo para o desenvolvimento das habilidades motoras, mas também o conhecimento do meio envolvente e a socialização.
Visualmente marcado pela escolha de letras maiúsculas para os textos breves e simples de Cally Stronk, onde o ritmo e a musicalidade estão presentes, e pelas ilustrações de contornos bem definidos de Constanze v. Kitzing, estes dois álbuns 16 x 16 cm, com tradução portuguesa de Elizabete Ramos, são ideiais para estimular a imaginação dos mais pequeninos.

Os animais que tive, de João Manuel Ribeiro; Ilustração: Gabriela Sotto Mayor
Os animais que tive é um livro em que são convocados 23 animais, domésticos e selvagens, com nomes curiosos e divertidos, que rimam, quase sempre, com qualidades e atitudes que nos dizem, com humor, como são e o que fazem os ditos bichos. Estamos, assim, diante de um jogo poético que, socorrendo-se dos animais como personagens prediletos dos pequenos leitores, através da quadra e a rima divertida, é um lúdico convite a que todos conheçam os animais, possam dar-lhes nomes, e, sobretudo, brinquem com as palavras e as rimas.
Poemas para brincalhar, de João Manuel Ribeiro; Ilustração: Anabela Dias e Anabela Maia
A palavra brincalhar só existe no dicionário da imaginação.
Quem ma ensinou foi um menino que, um dia, depois de ouvir estes poemas, me confessou:
— Estes são poemas para brincalhar...
Fiquei perplexo e retorqui:
— Mas a palavra brincalhar não existe...
— Pois não, inventei-a hoje ao ouvir-te: são poemas brincalhões para brincar...
Não estás a ver?
Claro que vi! E adotei esta palavra nova.
Espero que todos o façam também e, com ela, brinquem e se tornem brincadores.

Pedrito Coelho: Boa Páscoa
O ovo da Pata Patrícia desapareceu e o Pedrito, a Lili e o Casimiro querem encontrá-lo antes que o pior aconteça. Quando finalmente descobrem os patifes responsáveis, o ovo escapa-lhes… e é quase a tragédia. Mas o ovo é salvo, a verdade reposta e, no fim do dia, a Pata Patrícia tem uma surpresa!

Pedrito Coelho: O Meu Pai
O Pedrito pede ao Pai Coelho e à Rã Jeremias que lhe contem histórias do seu pai e descobre que ele teve em tempos uma máquina voadora! O que terá acontecido à maior invenção do Pai Coelho? Será que o Pedrito e os amigos conseguem encontrar a engenhoca e pô-la outra vez a funcionar? Vem descobrir!


Os Mauzões - Episódio 1, de Aaron Blabey
Eles são MAUZÕES, todos sabem disso. São assustadores, perigosos e... MAUS.
Mas estes tipos querem ser HERÓIS.
E vão prová-lo fazendo boas ações… quer QUEIRAS quer não.
Prepara-te para o mais divertido, atrevido e espetacular livro que alguma vez leste.
Prepara-te para conheceres os MAUZÕES.

Os Mauzões - Episódio 2, de Aaron Blabey
10 000 galinhas aprisionadas num aviário de segurança máxima! Quem as poderá salvar?
Bem, o que acham de um LOBO, um TUBARÃO, uma PIRANHA e uma VÍBORA... também conhecida como Comedor de Galinhas!?
O que PODERÁ correr mal?!
Prepara-te para rires até não poderes enquanto os piores benfeitores se preparam para mais uma aventura hilariante.
Chegaram os MAUZÕES episódio 2!


Malaquias vence o medo, de Mário Cordeiro; Ilustração: Raquel Santos
O urso Malaquias tem medo, tal como todos nós! Mas ter medo não é mau; é saudável e ajuda-nos a sobreviver. No entanto, é fundamental aprender a enfrentá-lo. Arranjar dentro de nós coragem, que nos permita compreender as razões para os nossos receios, e vencer os medos que nos paralisam é uma arte que requer estratégias que devem ser ensinadas às crianças.
O Malaquias, nesta história, apesar do medo que sentia, encheu-se de coragem e salvou os seus amigos do perigo, deixando todos incrédulos e orgulhosos. Provou, deste modo, ser um urso corajoso, capaz de vencer os seus medos de forma responsável.

7 comentários:

teresa dias disse...

Olá Miguel!
Já escolhi o que vou oferecer na Páscoa às minhas netas: livros.
Quais? Vou ter de voltar a olhar para as tuas sugestões.
(O meu silêncio não significa ausência. Passo por aqui para saber das novidades...).
Beijo e bom fim-de-semana.

diana batista disse...

O livro do ET faz lembrar a infância :D

Silvia Reis disse...

Tão giros :)

Carmen Mendes disse...

Livros nunca sao demais na vida duma criança.. devesse incutir desde cedo esse habito ;)

Aureni Oliveira disse...

Tão giro os, livros que o meu filho adora ET

Cristina Russo disse...

Uma fantástica lista de livros para ler ao meu príncipe, nunca são demais, devemos incutir o gosto pelo livro e leitura desde tenra idade.

Cristina Russo disse...

Uma fantástica lista de livros para ler ao meu príncipe, nunca são demais, devemos incutir o gosto pelo livro e leitura desde tenra idade.